Archive for the ‘Ministério de Louvor’ Category

h1

Vinde, Adorai I

novembro 4, 2010

Olás queridos,

Depois de deixar os sentimentos sossegarem posso começar a contar um pouco do que foi, e ainda está sendo, o Vinde, Adorai.

Há tempos o Senhor tem nos colocado que o aniversário da Comunidade deveria ser marcado por um evento especial de adoração. Este ano, o Senhor me deu coragem e inspiração para iniciarmos um projeto, o Vinde, Adorai. Um dia em que podemos adorar ao Senhor com novas canções e apresentá-las aos irmãos.

Foi impressionante o cuidado do Senhor com cada detalhe deste evento.  O Ministério de Música Adorai recebeu abertamente a proposta e se empenhou em ensaios e na preparação. Toda Comunidade Adorai se colocou em oração para que tudo saísse conforme a vontade do Senhor.

Alguns irmãos, e também eu, sentimos uma leveza sem igual neste projeto. As músicas novas músicas foram fluindo, algumas antigas foram sendo lembradas pelo Espírito ao nosso coração. Um diferencial do outro projeto (Eu e Tu) é que também há canções de outros compositores do Ministério, e como são lindas e ungidas.

Algo tocou muito meu coração na seleção das músicas. Eu e Marcelo estávamos em nosso quarto, decidindo quais canções iriam e gravando as guias para o pessoal do Minitério. Nesse tempo, o Senhor começou a falar ao meu coração que faltava uma música, que Ele me daria ali, naquele momento, junto com meu marido. Falei isso ao Marcelo e ele começou a tocar o violão e em cima do que ele tocou nasceu a canção, livre e rapidamente. Uma canção marcante no evento, pautada sobre Ezequiel 37 (o vale dos ossos secos). Enquanto nascia já sentíamos a unção que o Senhor derramava sobre ela. Naquele dia, eu não conseguia parar de cantar “Vem, Espírito, sobre os ossos secos!”…rs!

Ainda falando das canções. Foi lindo ver como o Senhor foi dando aos membros do Ministério canções que se completavam. Todas direcionadas no mesmo foco (agora mais claro!): “Escolherei a Ti”

Aos poucos poderei ir falando melhor de cada canção e também pedir aos outros compositores que partilhem suas experiências.

Para este evento o Senhor separou duas irmãs maravilhosas na organização. Confesso que é muito difícil para mim deixar as decisões nas mãos de outras pessoas. Estou acostumada a saber de tudo, a ajudar a resolver tudo, mas, também como ordem do Senhor, decidi confiar no Dom do outro. E foi surpreendente. “Infinitamente mais!” é o que eu dizia à Maria Rita e à Andresa durante o evento. Por meio delas, o Senhor foi providenciando tudo para que tivéssemos uma tarde maravilhosa, cheia de detalhes e caprichos.

Não posso deixar de partilhar sobre a presença do Padre Rafael Querobin, meu irmão querido. Como o Senhor foi providente em organizar sua agenda para que conseguisse estar conosco. A data do nosso evento era também a data do encontro das Missões Populares, das quais o padre Rafael é acessor. No dia em que me disse que não poderia estar conosco meu coração se entristeceu muito, mas não reclamei ao Senhor e lembro de ter orado: “O Senhor dá jeito nisso se for da Sua vontade!” E deu!(rs!). O retiro foi transferido para outra data e prontamente o padre Rafael (como sempre) se colocou à nosa disposição e ainda nos permitiu colocar seu nome em nossa divulgação (o que fez muita diferença para nós).

A pregação do padre Rafael foi poética. Maravilhosa e impactante. Todos nós ficamos admirados. Já esperávamos algo bom, pelo pregador que é, mas o “infinitamente mais” do Senhor queria estar presente em cada detalhe e também esteve na pregação. A delicadeza em se debruçar sobre as letras das canções, em extrair trechos, em ligá-los…coisas que só o amor explica!

Aquela tarde foi muito especial. Ando pelas ruas de Varginha, recebendo testemunhos de quão impactante foi o evento. E, realmente, o Senhor quis nos dar uma experiência renovada, uma unção fresca. Uma leveza sem igual.

São tantos detalhes…ficaria enorme meu texto. Mas mais um deles não posso deixar de falar: como é lindo ver o povo de Deus aberto à adoração. Mesmo sem saber as canções (e graças a Deus, Ele tem nos dado canções de fácil assimilação e dom para ministrá-las) víamos o povo mergulhado na oração, desejando ago mais do Senhor. Ouví-los cantar era bálsamo para meu coração!

Bom, acho que hoje fico por aqui…aos poucos vou colocando mais detalhes e logo mais fotos e vídeos para que todos possam experimentar, junto conosco, esse mover de Deus no projeto “Escolherei a Ti”.

No Amor do Amado,

Carol

h1

Ministrando o Louvor

setembro 24, 2009

Estar à frente de um povo, sendo canal de benção e direção de Deus é uma missão para o servo do Senhor, que não pode ser levada de forma irresponsável. Além de elevar o próprio louvor ao Senhor, o ministro precisa se preocupar em ajudar aos que estão com ele a também louvarem. É importante que a ministração não seja vista como “animação”, como mero preenchimento de espaço. Cada palavra que sai de nossa boca tem seu efeito na vida das pessoas que se confiam ao nosso ministério. É preciso empenho, fora do altar, púlpito, palco, para que, quando estivermos nele, possamos estar mais abertos à graça de Deus. Sem dúvida, o Senhor não deixa de agir, por que não estamos preparados, mas quando nos dispomos à preparação estamos mais ligados na vontade de Deus e Ele pode agir mais através de nós. Algumas realidades, ao meu julgar, são indispensáveis, para aquele que deseja realmente ser um ministro de louvor segundo o coração de Deus.

Primeiro, INTIMIDADE COM DEUS. Não há como servir a Deus sem conhecê-Lo. Não há como falar Dele, sem saber sobre Ele. A amizade com Deus nos traz a segurança de que Ele estará conosco, que cuidará de tudo. Quando não estamos em unidade com o Senhor sentimos como que se a ministração saísse de nós e não Dele, e sabemos que não temos poder algum, e acabamos querendo forçar Deus a fazer algo pelo nosso falatório, ganhar a graça pela oratória, mas isso o Senhor não faz. Ele não se deixa impressionar pelas palavras, mas pelo coração. Quanto mais próximos do Senhor estamos mais Ele aparece e nós diminuímos, mais Ele opera em nosso favor. Quando buscamos de coração a intimidade com o Senhor, Ele se revela a nós, revela sua vontade para nossas vidas e para a vida dos que estão adorando a Ele conosco. Aí sim, nós no Senhor somos uma potência. O Senhor faz da nossa boa oratória um instrumento cheio de unção, mas se estivermos em comunhão com Ele, senão serão palavras soltas e inférteis.

Segundo, CONHECIMENTO DA PALAVRA DE DEUS. A Bíblia é como o manual de vida nos dado por Deus. Tudo que precisamos saber para sermos fiéis ao Seu chamado está nela. É uma forma de estarmos também unidos ao Senhor. Lendo Sua Palavra, conhecemos sua vontade, aprendemos Dele como agir, como fazer, o que fazer, como agradar Seu coração. Aprendemos com a história do povo de Deus como ser também desse povo. Quanto mais lemos a Palavra de Deus, mais somos conformados segundo a metalidade de Cristo, mais enraizamos as verdades do céu em nós e, como sabemos, mais falaremos das coisas celestes, pois a boca fala do que o coração está cheio. Assim, o Espírito Santo poderá inspirar em nós caminhos bíblicos para a ministração. A Palavra diz: “O Espírito vos recordará de todas as coisas”, então é preciso que tenhamos o que ser recordados. Nossa vida precisa ser norteada pela Palavra de Deus, não podemos ser duplos, uma vida ministerial e outra quando não estamos ministrando e isso só aprendemos na Palavra. Lendo-a se faz parte de nós e transforma nosso viver.

Em terceiro lugar, EMPENHO MINISTERIAL. O empenho ministerial é aquele tempo que dispensamos para aprender mais do nosso instrumento (se tocamos), mais sobre técnica vocal (se cantamos), é o tempo que dispensamos em aprender mais canções, em tocar e cantar as que sabemos melhor. É também o tempo que tiramos para ler livros, artigos sobre nosso ministério, testemunhos de outros ministros, mais experientes que nós. É o tempo que tiramos para orar por nosso ministério, por aqueles que fazem parte dele conosco. O Senhor é digno de um louvor com excelência e só podemos dar isso a ele se nos empenhamos. É como a parábola dos talentos: o Senhor nos dá o talento, há pessoas que já nasceram com uma voz boa, por exemplo, mas que se não se empenharem em progredir vão acabar enterrando esse talento, o que não agrada ao Senhor. Deus deseja ver seus filhos multiplicando os dons que Ele deu. Esse tempo que reservamos para o nosso ministério reflete como liberdade quando estamos ministrando. Se sabemos as canções, as letras, se estamos confiantes ao cantar, confiantes pelos testemunhos e formação que fizemos e lemos, podemos ficar mais atentos ao mover de Deus e menos em nós mesmos. Se eu não estudo a música, sua letra e melodia, fundamento bíblico-cristão, se não confio na minha técnica musical fico presa demais em mim mesma, para que não erre, não passe vergonha, mas o que deixo passar é a graça de Deus.

Outra realidade que julgo precisarmos estar atentos é SABER SOBRE O LUGAR E SOBRE O POVO que estamos ministrando. É muita arrogância do ministro achar que somente ele tem algo a oferecer ao povo, quando na verdade, cada lugar com sua história e experiência de Deus é quem vai direcionar a ministração. O Senhor é conhecedor de todos e de tudo, sabe sobre cada lugar onde nossos pés pisarem, mas nós também, por amor a esse povo, precisamos saber. Cada lugar é precioso aos olhos do Senhor e quando procuramos saber sobre a história e a realidade de algum lugar também somos tomados pelo amor que o Senhor tem por eles. Nos tornamos mais próximos e assim temos maior abertura e confiança daqueles que oram conosco e , assim, maior abertura à graça do Senhor.

Que esse possa ser nosso começo, nosso ponto de partida: buscar dia após dia estar diante de Deus, ler sua Palavra, ouvir a Sua voz, nos empenharmos em dar um louvor com excelência ao nosso Deus e amar, amar a todos que o Senhor colocar em nossos caminhos. Tudo isso, claro, com a ajuda do Espírito Santo, aquele que opera todas as coisas em nós.

No Amor do Amado

Carol Carolo

h1

Video – Quem me ama assim?

setembro 13, 2009

Olá amados,
Olhem que lindo o video que minha amiga, Adriana, fez pra mim…muito lindo mesmo!!!


Quem me ama assim?

NO Amor do Amado
Carol

h1

Fotos

julho 1, 2009

OI gente…
algumas fotos do lançamento do cd aqui em Varginha…

fotos

veja mais fotos em http://www.flickr.com/photos/carolcarolo/

h1

Lançamento em Varginha

junho 27, 2009

Gente,
não tenho palavras para o lançamento daqui. Eperei um pouco a agitação passar para ter palavras, mas até agora ainda sinto meu coração bater mais forte quando penso em como foi lindo.
Orar em casa é sempre muito bom, os irmãos sabiam as canções e cantavam com a gente, estavam todos abertos ao mover do Espírito e isso nos ajudou muito.
O Senhor esteve mais que Presente, Ele tomou conta de nós. em várias canções o choro quase estragou minha voz..rsrs…mas deu pra segurar.
Quero escrever mais, com calma vou deixando o Espírito fluir…

ja ja tem fotos tb

http://www.flickr.com/photos/carolcarolo/

Deus abençoe a todos

No Amor do Amado
Carol

h1

Fotos…

junho 15, 2009

SN851831Oi queridos,

Agora só que consegui algumas fotos do lançamento de Juiz de Fora.

Como foi lindo estarmos lá. Deus providenciou todas as coisas e os irmãos de lá estavam muito empenhados para que tudo desse certo…e deu!

Então, aí estão algumas fotos!!
http://www.flickr.com/photos/carolcarolo/

Essa semana…Lançamento em casa, Varginha/MG

h1

Preparando as malas e o coração

maio 29, 2009

Olá pessoal,

Estamos j de malas prontas (ou quase…rsrs) e tudo preparado para irmos à Juiz de Fora, para o Pré – Lançamento do CD. Estamos todos muuuito felizes e na expectativa do mover do Deus naquele lugar.

Peço aos irmãos que orem por nós, para sermos tudo  que Senhor quiser de nós!

No Amor do Amado

Carol